29 julho, 2009

Espaços Femininos

Posted in Consumo, Corpo, Gênero tagged , , às 12:27 pm por Deborah Sá

Não ter referenciais de beleza que retratem a diversidade de corpos faz mal a auto-estima feminina e deturpa a expectativa estética masculina.

Seriam necessários “Espaços Femininos”, onde mulheres pudessem conversar entre si sendo proporcionada uma “zona de conforto” onde trocassem experiências, nadassem, dançassem ou exercessem qualquer outra atividade corporal e intelectual desejada.

Há saunas, clubes, bares, estádios de futebol e outros locais onde homens convivem em “fraternidade” . Os “Espaços Femininos” disponíveis visam à manutenção da beleza e consumismo (clínicas estéticas e shoppings) ou celebração da maternidade (berçários e chás de bebê).

Não seria maravilhoso ter um espaço nosso? Uma cachoeira ou riacho onde pudéssemos nos banhar, a liberdade de estar com outras mulheres sem a preocupação de um intruso nos observar/filmar, julgando nossa capacidade atrativa?

Nisso também incluiria a possibilidade de ficarmos nuas em coletivo, de calcinha, de biquíni ou como bem quisermos.

Despir

Quase toda mulher vê suas familiares peladas (mães, tias, irmãs…) da mesma maneira que se vê no espelho de relance, reconhecendo alguns traços em si. Na contrapartida vemos corpos na mídia que parecem manequins surrealistas se comparados a estes referenciais. Se olharmos para os corpos de nossas amigas em um gesto contemplativo, a beleza da diversidade não nos pressionaria a mudar nosso corpo “defeituoso”.

“O valor das indulgências está realmente na despesa causada ao penitente. Seu significado psicológico básico reside no cálculo do quanto o penitente está disposto a sacrificar para obter o perdão. Também os vendedores ameaçam amaldiçoar uma mulher se ela não pagar. Nem é mesmo o inferno da feiúra o que ela teme, mas um limbo de culpa. Se ela envelhecer sem os cremes, dir-lhe-ão que a culpada é ela mesma por não ter se disposto a fazer o sacrifício financeiro adequado. Se ela de fato comprar os cremes e envelhecer — o que iria acontecer de qualquer jeito — pelo menos saberá o quanto pagou para evitar o sentimento de culpa. Uma conta de cem dólares é prova concreta de seus esforços. Ela realmente tentou. A força propulsora é o medo da culpa, não o medo da velhice.”

O Mito da Beleza – Página 159

As nossas “imperfeições” são vistas como um crime gravíssimo e um atentado Ao Mito da Beleza. Por que nossas rugas, nossos cabelos grisalhos, nossos peitos, nossa flacidez é considerada “mortal”? Nenhum homem se preocupa com o formato da própria bunda, com a inclinação do pau, a pele enrugada das bolas. Se as mulheres tivessem testículos, fariam lifting.

16 Comentários

  1. Miss Lou B. said,

    Oi, Deborah! Recebi uma espécie de “Corrente”, divulgação ou chame como quiser que traz as seguintes informações:
    .
    “Depois das declarações do Lula sobre ‘mulher deve ser dengosa com o seu homem, senão ele põe o cuecão e volta a dormir’…
    Depois da ministra do turismo, a dona Marta Suplicy mandar a população que perde voos , ‘relaxar e gozar’…
    Depois que o Renan Calheiros, usou seu dinheiro (do seu imposto, caro contribuinte) para pagar suas escapadinhas de um casamento monótono…
    Depois do irmão do Lula virar apenas ‘ingênuo’, quando confabulava nos bastidores para se apropriar da grana alheia…
    Depois de tanta gente ficar impune e até reeleita como o Valdemar da Costa Neto e outros…
    .
    TEM CHEIRO DE PERIGO NO AR!!!
    .
    Independente do partido político a que vocês simpatizem essa notícia é preciso divulgar e se indignar, pois voltar a ditadura será o fim da picadanesta altura de nossas vidas!!!
    Realmente estamos sob novo AI-5, neste governo do Lula.
    O Boris Casoy foi calado, despedido por ordem do Lula. Agora, o Jabor foi processado, condenado, calado por ordem do Lula. É um escândalo!!!
    A imprensa divulgou a sentença que condenou o Jabor a pagar indenização pordanos morais, dois dias antes do Juiz assinar a sentença. Agora o Jabor foi calado na CBN. O Diogo Mainardi, além de processado, sofreu ameaças de morte no jornal doMR-8 (da base aliada do Lula).
    Há Medida Provisória enviada pelo Lula ao Congresso, instituindo a censura-prévia aos programas de rádio e TV. CENSURA PRÉVIA inclusive aos programas jornalísticos.
    Os censores já estão nomeados. São muito jovens com a participação de estudantes da Universidade de Brasília (todos Petistas é claro). Agora só faltam as torturas e desaparecidos.
    .
    Vamos denunciar isto pela Internet e por todos os meios que pudermos. Arnaldo Jabor foi expulso da CBN!!! Por favor, repassem para todos que puderem!!! VAMOS REPASSAR!!!! NÓS BRASILEIROS E PATRIOTAS, DEVERÍAMOS SER 160 MILHÕES DE JABORES PARA GRITAR CONTRA ESSA BADERNA POLÍTICA E TANTOS DESMANDOS QUE EXISTEM NOSPODERES DA REPÚBLICA! Tem cheiro de ditadura no ar!!! Leia o comentário de Dora Kramer, Estadão de Domingo: ‘A decisão do TSE que determinou a retirada do comentário de Arnaldo Jabordo site da CBN, a pedido do presidente ‘Lula’ até pode ter amparo na legislação eleitoral, mas fere o preceito constitucional da liberdade de imprensa e de expressão, configurando-se, portanto, um ato de censura.’ Em outro trecho: ‘Jabor faz parte de uma lista de profissionais tidos pelo Presidente Lulacomo desafetos e, por isso, passíveis de retaliação à medida que seapresentem as oportunidades!’
    .
    ESSE TEXTO DEVE SE TRANSFORMAR NA
    MAIOR CORRENTE QUE A INTERNET JÁ VIU!!!”
    .
    —————————————————————
    Se possível, gostaria que você enviasse a quem pudesse. Não sou partidária alguma: apenas contra quem está administrando mal os meus bens lá daquele Palácio do Governo de Conto de Fadas.Grande abraço!!o///

    • Deborah Sá said,

      Oi Miss Lou B.

      Não tenho nada a favor de nenhum político, mas esse texto aí parece fake. Primeiro que não gosto do Diogo Mainardi, que é de extrema direita que acha que racismo não existe, tem os pensamentos muito parecidos com do Olavo de Carvalho e as coisas publicadas lá no Mídia sem Máscara. Em segundo lugar, fujo de sentimentos patriotas aos quais o texto clama, porque achar que um pedaço de terra é o mais especial porque você nasceu nele é prepotência.

      E de uns anos pra cá só voto nulo.

  2. Aa said,

    Não existem mesmo esses espaços só pra mulheres? o_O

    Ah, e os homens se preocupam bastante com a aparência sim… depois te passo uns links que eu vi de discussões entre homens sobre aparência =)

    • Deborah Sá said,

      Bom Aa, se conhecer algum além de coletivos feministas me avise. Concordo que homens se preocupam com a aparência, mas vamos combinar que se colocar na balança as mortes por cirurgias estéticas e transtornos alimentares a proporção de rapazes com estes mesmo distúrbios é ínfima.
      Isso sem contar pra refutar um argumento ruim ninguém fala pra ele “isso é porque você é feio, invejoso, mocréio e mal comido”.

      Me passe os links please ;)

      • Oi, Deborah
        Existe sim, um espaço coletivo feminino e está ao alcance de um clique. Se chama LuluzinhaCamp e foi construido por mim e outras blogueiras exatamente com o intuito de criar um espaço feminino de conversa. Além do site, temos lista de discussão e fazemos encontros presenciais de tempos em tempos (três em três meses)…
        Aqui no Brasil a gente não tem este hábito, mas quem frequenta vestiário de clubes ou saunas femininas (são poucas eu sempre fui ao clube) vê exatamente isso: corpos nus.
        Gostei muito do teu texto, indicado pela Srta. Bia.
        abraço

      • Deborah Sá said,

        Lúcia,

        Muito obrigada por responder :)

        Verificarei o site assim que possível (olhei muito superficialmente, parece simpático).

  3. Haline said,

    Oi Deborah, cheguei aqui através de alguns comments seus por ai. Concordo plenamente com esse lance dos “espaços femininos” não existirem de fato. Inclusive outro dia vi uma reportagem que falava de um spa pra crianças (meninas, é claro) e a justificativa era de que as meninas se aproximariam mais das sua mães, ou seja, muito saudável, como os meninos se aproximam dos pais no futebol. Como se fosse tudo a mesma coisa né? Futebol e spa. Enfim. Mas qto a nudez, eu acho que as meninas experimentam muito mais isso que os meninos. Eles não podem se olhar, se tocar … são reprimidos mesmo. O problema da falta dos espaços está nessa promoção da competitividade feminina. As pessoas repetem isso como se fosse verdade absoluta. Os homens são amigos e as mulheres competem. E pq? Por causa dessa promoção do belo, do inatingível. Um cara barrigudo com um carrão pega mulheres no comercial de carros, de cerveja e etc. Então eles não se preocupam. Claro, tem os metros ne? Mas vamo combinar q não é regra mesmo. Os homens se preocupam menos com isso pq o mundo não impoe a eles isso, claro.

    • Deborah Sá said,

      Haline,

      Concordo com você, os homens tem referencial de homens mais velhos bem sucedidos. Até de homens bem sucedidos feios pra dedéu com mulheres “gostosas”.

  4. asnalfa said,

    Adorei o post. Interessante que eu odeio futebol, carnaval e feijoada e quando eu falo isso as pessoas se perguntam:”o que deu na cabeça desse menino pra nao gostar disso??” Ou seja, como se eu fosse brasileiro, tivesse a obrigacao de gostar algo imposto por quem gosta.

    • Deborah Sá said,

      Asnalfa,

      Eu costumo me definir como “Brasileira não praticante”, não gosto de churrasco (sou vegetariana), futebol é muito chato, odeio carnaval e também cerveja.
      Engraçado que até as “Brasilidades” são recheadas de coiceitos masculinos: Cerveja, samba e futebol são masculinos até o talo. As mulheres aí são lembradas só pra enfeitar o sambódromo, o comercial de cerveja e o gramado com seus pompoms tentando ser a Musa do Brasileirão.

  5. B said,

    ainda quero ler este livro

  6. marjorierodrigues said,

    Nossa, é muito verdade isso. Não existem MESMO espaços femininos de confraternização, de comunhão. Fiquei aqui pensando: “não, véi, tem de ter ALGUM espaço que não seja voltado para a beleza”. E não consegui pensar em nenhum.

    Só o que consegui pensar, além desses espaços para beleza, são os espaços reservados para as mulheres não serem assediadas pelos homens. Ou seja: as vítimas é que são contidas, porque o mundo é dos homens e, se a gente sai na rua, é por nossa conta e risco. Tipo os vagões só para mulheres nos trens do Rio. Ou uma balada que fizeram só para mulheres, agora não lembro onde. O objetivo era que as moças pudessem sair para dançar com suas amigas, sem serem importunadas por manés bêbados. Parece que, na Europa, tem hotéis só para mulheres que viajam sozinhas (ou sem acompanhantes homens).Enfim, nenhum desses lugares é um espaço de convivência, de comunhão. Ou é um espaço para nos manter bonitinhas e cheirosinhas para o deleite dos homens ou é um espaço para fugir do assédio. É muito triste isso.

    …Por isso eu acho fantásticos projetos como o LuluzinhaCamp.Qualquer espaço para criação de diálogo e coesão entre as mulheres é muito bem-vindo. E mesmo o que a gente faz, com nossos blogs, já é alguma coisa. Por isso eu acho muito importante a gente cortar todos os trolls, expulsar os rapazes que comentam merda. Para que nossos blogs virem um “safe space” para mulheres. Um espaço de comunhão virtual e tal.

    bjo!

    • Deborah Sá said,

      Exatamente Marjorie, você conhece a União de Mulheres de SP? É um espaço com essa proposta :)

  7. astrocat said,

    Eu fui procurar aquelas academias só para mulheres, sabe? Eu faço musculação porque tenho um problema nas costas, mas odeio o clima de “azaração” nas academias convencionais. Mas quando achei uma feminina, achei que eles se focavam demais em perda de peso, “faça só 30 minutos e fique magra”, etc. Quero dizer, o interessante, pra mim, é que era um espaço feminino. Mas pra eles, o chamariz era o incrível método revolucionário de emagrecimento. Preguiça.

    • Deborah Sá said,

      Astrocat,

      Acho que sei qual é, é a Curves?
      A proposta é mesmo tosca ¬¬’

  8. […] um assunto muito especial para mim por causa do Luluzinha Camp e do Projeto Deusas. A criação de espaços femininos, onde mulheres possam conversar entre si, realizar trocas, confidências e informações são muito […]


Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: